eventos e notícias

Jovem Aprendiz Salesiano Conquista Prêmio Internacional Em destaque
Fotos: g1.globo.com/sc

O Jovem Aprendiz Salesiano, Gabriel Fernandes Mello Ferreira, de 17 anos, da obra social salesiana Parque Dom Bosco, de Itajaí (SC), é o primeiro brasileiro a ganhar o prêmio internacional Stockholm Junior Water Prize 2021 (Prêmio Jovem da Água de Estocolmo), que reconhece iniciativas que melhorem a qualidade da água. Com uma invenção que retira microplásticos da água, tornando-a potável para o consumo humano, Gabriel concorreu ao prêmio, na categoria voto popular, com 32 estudantes de todo o mundo e agora terá sua invenção patenteada.

 

O Serviço Municipal de Água e Saneamento de Itajaí (Semasa) se interessou pela ideia e vai instalar o filtro criado pelo estudante nos próximos dias em uma estação de tratamento. "Meu plano é entrar na incubadora de uma universidade para criar uma empresa e criar um filtro para várias cidades. Com Itajaí sendo pioneira, outras cidades vão querer também e a gente vai poder levar esse filtro muito longe", planeja Gabriel.

 

O resultado da premiação foi visto em conjunto com os amigos de turma do jovem. A Prof.ª Fernanda Poleza, comemora inciativa: "Podemos sair um pouco do Tik Tok, Instagram e fazer coisas boas pelo mundo. É um exemplo e com certeza esses jovens que viram o Gabriel agora, vão sentir despertar alguma coisinha, uma sementinha foi plantada neles também", afirma a professora.

 

A preocupação com os microplásticos surgiu quando Rafael decidiu que iria fazer algo pelo meio ambiente. Durante a pesquisa, ele afirma que se deparou com dados assustadores. "A pesquisa que mais me chamou atenção é a que falou que em uma semana a gente ingere a mesma quantidade de plástico que um cartão de crédito. Em um mês, um bloquinho de Lego. Em um ano, um capacete. Então é muita coisa. A gente ingere muito microplástico", relembra.

 

O plástico fica em um formato muito pequeno depois que garrafas ou outros objetos ficam muito tempo expostos no meio ambiente. A ação do sol e do vento vai quebrando o material em várias partes e ao longo dos anos uma garrafa, por exemplo, pode se transformar em milhares de micropartículas. Elas chegam até os seres humanos por meio do consumo de peixes e derivados. "Eles se alojam nos tecidos, fazem a disfunção de metabolismos. Então você vê alterações nas enzimas. Tem estudos que detectaram o microplástico em placentas humanas. Esse é um dos mais graves! E outros estudos que detectaram o microplástico no sangue", explica a professora de Gabriel.

 

 Uso da ideia na vida cotidiana 

 

Para ajudar a mitigar esse problema, o estudante trabalhou em um filtro que retirasse esse material da água. "A água vai entrar e aqui tem um elemento filtrante que vai reter os microplásticos e permitir que a água passe. Então é um funcionamento bem simples na verdade, o funcionamento é bem simples para um problema muito complexo", explica.

 

A prefeitura de Itajaí vai utilizar o filtro em uma das estações de tratamento da cidade. "Todo o material sólido que é retido numa estação de tratamento de água vira o que a gente chama de lodo. Então reter esses materiais plásticos já no início do processo permite que a gente não tenha esse microplástico depois no lodo. E ele também vai permitir que a gente consiga mensurar a quantidade de microplástico que efetivamente está entrando na estação de tratamento de água", conclui o diretor de Saneamento Semasa, Victo Silvestre.

 

Confira o vídeo completo da entrevista que Gabriel Fernandes concedeu ao G1 clicando aqui.

 

  

 

 Sobre o Stockholm Junior Water Prize (Prêmio Jovem da Água de Estocolmo) 

 

O Stockholm Junior Water Prize é uma competição para estudantes de 15 a 20 anos que desenvolveram projetos escolares que podem resolver os principais desafios da água. A competição atrai milhares de inscrições oriundas de 39 países e é realizada todos os anos desde 1997, tornando-se uma parte popular da Semana Mundial da Água. A edição 2021, no entanto, foi inteiramente realizada no formato on-line, devido os protocolos de combate à pandemia da COVID-19.

 

Conheça mais sobre o Stockholm Junior Water Prize clicando aqui.

 

Fonte: g1.globo.com/sc, com informações do siwi.org