eventos e notícias

Cesam/ES promove oficinas culturais e de desenvolvimento pessoal para educandos de Vitória Em destaque
Ação financiada pelo FIA e pelo Concav visa, dentre outros objetivos, debater questões humanitárias

Nos últimos dias 15 a 18, foi realizada pela equipe Cesam/ES a etapa de divulgação dos projetos "Juventude e arte: combatendo a violência, construindo a cidadania" e "Grupo de líderes Dom Bosco". Ambas iniciativas, financiadas pelo Fundo para Infância e Adolescência (FIA), por meio do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente de Vitória (Concav), são voltadas aos aprendizes de Vitória e têm como objetivo utilizar linguagens artísticas e dinâmicas de desenvolvimento de liderança como ferramentas para debater questões relacionadas à cidadania, à violência e aos direitos humanos. A mobilização do projeto, que terá duração de um ano, foi realizada por meio de cartazes e abordagens nas salas de aula.

 

As atividades tiveram início em maio e, ao todo, serão contemplados 60 aprendizes, distribuídos entre as turmas de dança, teatro e grupo de líderes. Nos encontros quinzenais, os adolescentes terão a oportunidade de desenvolver habilidades artísticas e de liderança por meio de oficinas práticas relacionadas a linguagem escolhida pelo participante. Estão programadas ainda visitas a espaços culturais e casas de tomadas de decisões, como a Assembleia Legislativa e a Câmara Municipal.

 

O projeto "Juventude e Arte", que aposta na arte como ferramenta para promoção de debates acerca das questões sociais vivenciadas pelos jovens, contará ainda com apresentações dos grupos de dança e teatro em formação. Já no projeto "Grupo de líderes", que visa a formação e potencialização de lideranças juvenis, os adolescentes serão estimulados a participar das atividades promovidas pelo Concav.

 

Para Luciana Castilho, gerente socioeducativa e pastoral do Cesam/ES, o intuito da instituição vai além de simplesmente qualificar o adolescente objetivando sua inserção no mercado de trabalho. "Queremos dar condições para que esse jovem supere suas questões sociais e vulnerabilidades. Então, nossa expectativa é que os projetos contribuam de forma significativa para seu desenvolvimento pessoal e superação de qualquer tipo de violação, e que, ao mesmo tempo, ele seja capaz de realizar uma análise crítica de sua realidade, contando com nosso suporte para seu desenvolvimento pessoal e profissional", explica.

 

Fonte: CESAM/ES