eventos e notícias

Centro Juvenil Salesiano recebe doação de livros da Cambridge University Press Boas ações
Centro Juvenil Salesiano recebe doação da Cambridge University Press

Visando uma melhor inserção de seus alunos no mercado de trabalho, o Centro Juvenil Salesiano, de Poxoréo – MT, é pioneiro na cidade em ofertar cursos de língua inglesa para crianças que necessitam das aulas, mas não podem pagar pelas mesmas. Infelizmente, a pouca disponibilidade financeira da obra social não permitia a aquisição de livros para o curso, assim, a professora voluntária de língua inglesa, Anna Giudici, buscou projetos sociais que pudessem colaborar com a necessidade do Centro Juvenil e foi assim que chegaram ao projeto Cambridge University Press que no Brasil, desde 2002, tem uma iniciativa chamada Cambridge Social Brasil

 

O contato foi feito, toda a documentação necessária foi enviada e, após análise e aprovação, o Centro Juvenil Salesiano de Poxoréo foi contemplado com uma significativa doação de livros didáticos de língua inglesa:

 

17 livros para os alunos da primeira turma, crianças de 06 a 11 anos

15 livros para a segunda turma, 12 a 14 anos

4 livros para a terceira turma, 15 a 18 anos

3 livros para professora

3 cds de áudio

1 conjunto de flashcards (fotografias com palavras em inglês)

 

As aulas de língua inglesa do Centro Juvenil iniciaram em fevereiro de 2018 e fazem parte do Projeto Torcida pela Vida. As aulas são gratuitas e ministradas uma vez por semana pela professora voluntária Anna Giudici.

 

Sobre a Prof.ª Anna Giudici

 

Anna Giudici nasceu em Milão, na Itália. Seu pai, Mario Giudici, era italiano, porém, sua mãe Erondina é brasileira e nascida em Poxoréo – MT. Desde muito cedo, a partir do exemplo de sua família, Anna já sentia a necessidade de ajudar o próximo.

 

Confira a carta escrita pela própria Anna Giudici sobre como surgiu a ideia da parceria com o Centro Juvenil Salesiano:

 

Sou Anna Giudici, tenho 44 anos, nasci em Milão na Itália. Minha família de origem é formada por minha mãe Erondina, que é brasileira, nascida em Poxoreu – MT; meu pai Mario, que era italiano nascido em Milão; meu irmão Roberto e eu.


Para mim, os adultos que eu mais admirei e admiro são minha mãe e meu pai. Eles são pessoas legais, que sempre pensam no bem do outro e acho que, no fundo, eu queria mesmo ser igual a eles. 


No mesmo ano que casei, em 2002, o aspecto mais importante para mim foi a morte do meu pai Mario. Foi uma dor imensa.

Ele participou da primeira expedição no Mato Grosso, em 1967, para ajudar o Pe. Pedro Melesi; ficou 2 anos e depois voltou diversas vezes para apoiar. Ele me ensinou a dedicar tempo para os outros e a sempre valorizar as pessoas sem diferencia alguma de nacionalidade, cultura, religião e preferência política.

 

A nossa casa sempre foi um centro de encontro com pessoas da Operação Mato Grosso. Muitos salesianos e amigos passavam para deixar um abraço e contar dos projetos feitos. Por isso eu sempre senti a exigência de participar, de qualquer maneira, ajudando como eu podia na maravilhosa corrida de solidariedade.

 

Já na Itália, eu tive a oportunidade de participar de diferentes iniciativas para ajudar a arrecadar o dinheiro necessário para diferentes projetos, mas foi a dois anos atrás, quando eu e a minha família mudamos para o Brasil que eu vi a necessidade de realizar o meu desejo de participar pessoalmente.

 

Na Itália, eu me diplomei em 1993 em uma escola técnica de contabilidade. Eu sempre trabalhei como contadora em diferentes firmas internacionais e sempre utilizei a língua inglesa para falar e preparar documentos para negócios por quase 23 anos. Quando cheguei aqui no Brasil, procurei uma escola de idiomas para fazer um curso avançado e consegui meu diploma em dezembro 2017.

 

Durante o ano 2017, surgiu a oportunidade de ser professora em uma escola de idiomas e depois numa escola de ensino regular, assim, me apaixonei por essa linda profissão de ensinar um idioma diferente.

 

Ao mesmo tempo, eu tive também a percepção do quanto custa um curso de inglês aqui no Brasil e entendi que, muitas vezes, o acesso a este aprendizado é para poucas pessoas. Então, pensei em propor à Sra. Lucia Voltan do Centro Juvenil a criação de um curso gratuito para criança e adolescentes e, em fevereiro de 2017, o curso começou e tivemos um bom número de alunos que se matricularam com muita vontade de estudar.

 

Eu estou muito feliz de participar, seja em pequena medida, de um projeto assim lindo e importante. Os alunos e as famílias começaram a entender a importância de saber um idioma estrangeiro no mundo de hoje e eu sempre falo sobre como, para mim, isso foi fonte de novas oportunidades de trabalho.

 

Anna Giudici

 

Fonte: Assessoria de Comunicação - Centro Juvenil Salesiano, de Poxoréo – MT